Determinar o valor do seu serviço é extremamente importante para tornar o seu negócio algo rentável. Por isso, é essencial fazer a sua precificação da maneira correta, afinal, o futuro da sua jornada empreendedora acaba dependendo disso.

Tendo em vista essa necessidade, resolvemos elaborar um artigo para te ajudar com essa questão. No texto a seguir, será possível conferir algumas dicas valiosas para te ajudar a determinar qual é o valor ideal a ser pago por cada serviço prestado por você. Confira!

Confira os valores das suas despesas

Uma boa dica para determinar o valor do seu serviço é conferir quais são as suas despesas. Tudo o que é necessário para que você exerça a sua profissão deve ser colocado na ponta do lápis, para que seja possível lucrar na empresa.

Internet, materiais de papelaria, aluguel de espaço, entre outros gastos, precisam ser conhecidos por você. Após isso, é possível delimitar quanto você gasta, todos os meses, apenas para se manter trabalhando, um cálculo extremamente necessário no momento.

Claro que, após somar tudo, você não vai adicionar tudo na conta de um único cliente. Primeiro, é necessário estabelecer um salário como meta, para depois verificar quanto é necessário dividir para cada. A seguir, falaremos um pouco mais sobre essa divisão.

Tenha um salário como meta

Estabelecer um salário como meta ajuda bastante na hora de determinar o valor do serviço prestado. Isso porque, dessa maneira, é possível realizar cálculos que te ajudam a cobrir as despesas, “dividindo” o valor entre os clientes que tiver no mês.

Para melhor entendimento, vamos supor que suas despesas sejam de R$ 2.000,00 por mês. Levando em consideração que você tem cerca de 20 clientes por mês, cada serviço prestado, para que a conta feche no fim do mês, deverá ser de R$ 100,00.

Porém, também é necessário separar um valor para a sua margem de lucro, além de cobrir os impostos que existem. Por isso, recomendamos que adicione mais 30% sob o valor já cobrado, para que seja possível lucrar e tornar o seu negócio rentável.

Lembre-se de diluir todas as suas despesas entre os clientes, e não cobrar mais caro apenas de um deles. Uma boa ideia também é prestar atenção nas tendências de mercado para surfar na onda e ganhar mais dinheiro. Dessa forma, é possível ter o preço como diferencial competitivo no mercado, garantindo que você consiga se destacar contra a concorrência.

Controle as entradas e saídas de dinheiro

Para saber qual o preço ideal do seu serviço, é importante registrar e manter controle de todos as vezes que você recebe e todas as vezes que você gasta. Você pode fazer isso guardando todos os orçamentos e recibos que você emite, pra facilitar na hora de somar tudo.

Com a Oddie, você consegue emitir orçamentos e recibos de maneira super fácil, direto no seu perfil! Além do mais, você consegue baixar o orçamento ou o recibo e ainda por cima compartilhar por WhatsApp com o seu cliente! Continua lendo para aprender mais dicas, mas antes, confere esse vídeo da Nat explicando como faz:

Confira o valor do serviço da concorrência

A nossa última dica para determinar o valor do seu serviço é analisar o preço praticado pela concorrência. Por mais que basear o seu preço analisando apenas esse ponto não seja recomendado, ainda assim, é um bom indicativo a ser seguido.

Parear o seu valor com o de outros trabalhadores da área, inclusive, te ajuda a conquistar clientes. Compradores que veem que o seu valor está muito alto, ou muito baixo, podem acabar achando que seu serviço não é de qualidade e buscarem outro profissional, por exemplo.

No mais, caso seja mais experiente do que os concorrentes, cobrar um pouco mais caro está permitido. No caso de menos experiência, diminua um pouco o seu valor para que consiga competir contra os profissionais que já contam com mais prestígio no nicho.

Em todo caso, nosso artigo fica por aqui, mas não se esqueça de que ainda podemos te ajudar. Se você está procurando por uma plataforma de divulgação gratuita dos seus serviços, não deixe de acessar A  Oddie e aproveitar essa oportunidade!